Moda íntima: Ceará, o segundo maior pólo do Brasil

por Laïs Pearson
/ 09 junho 2010 / 2comentarios


Foto: Fortaleza Moda Íntima

Faturamento médio mensal de R$16,5 milhões gerados por cerca de 2mil indústrias empregando aproximadamente 80 mil pessoas promovem o Ceará à posição do segundo mais importante pólo de Moda Intima do país.

A qualidade e a variedade das peças, a riqueza dos detalhes, o colorido, agradam aos compradores, que também encontram no Ceará uma oferta diversificada de artigos para praia, de maiôs,biquínis sungas, para adultos e crianças  às saídas de banho que se desdobram em modelitos apropriados para as baladas.

Durante a 30ª edição do FESTIVAL DE MODA DE FORTALEZA, tradicional evento de cunho comercial realizado paralelamente ao DRAGÃO FASHION BRASIL neste ano, foi inaugurado o Shopping Moda Íntima, dirigido por Geraldo Alves da revista Intima Moda, anexo ao Maraponga Mart Moda, do empresário Manoel Holanda, abrigando 60 lojas de atacado. A ideia do empreendimento surgiu há nove meses para atender ao mercado, cada vez mais exigente, que atualmente confere à lingerie status de peça essencial do guarda- roupa que não se usa apenas sob o vestuário, mas que se expõe – ousada e abusada – tanto à luz do sol, como as luzes artificiais das noites festivas. 

 
Foto: Fortaleza Moda Íntima

Por Laís Pearson

09 junho 2010
Laïs Pearson

Laïs Pearson

Laïs é jornalista de moda.