Button-front skirt – A saia de botões frontais será a mais nova queridinha do seu closet

por Samantha Mahawasala
/ 11 fevereiro 2016

Prepare-se para adicionar mais um item básico ao seu closet: a button-front skirt, ou saia de botões frontais. Ela apareceu meio que timidamente nas passarelas, mas ganhou um grande destaque no street style.

Não precisa pensar muito para adquirir a sua: a button-front skirt se encaixa em qualquer modelagem e tamanho, das minis às midis. Os botões alinhados e aparentes ajudam ainda a alongar a silhueta, já que criam uma linha vertical – ou seja, boa notícia para as mais baixinhas e as mais cheias de curvas.

A combinação mais básica e super frequente no street style é a saia de botões frontais com blusa branca – um look que parece básico, mas que pode ser moldado para qualquer ocasião. Para os passeios mais casuais, a boa e velha t-shirt; já para ocasiões mais formais, aposte na camisa branca; ou ainda em todas as possibilidades que jeans + top branco podem oferecer.

Numa produção mais outonal, aposte nos tecidos mais aconchegantes e quentinhos, como camurça, chamois e suéde. Vale também investir no couro como material para as button-front skirt. Na cartela de cores vale preto e tons terrosos, como caramelo, amarelo queimado e terracota.

Confira alguns looks com a button-front skirt, ou saia de botões frontais:

 Button-front skirt – A peça queridinha de 2016. 

 Looks com saia de botões frontais. 

  Tendências 2016 – Button-front skirt, ou saia de de botões frontais. 

 Button-front skirt – A peça queridinha de 2016. 

  Looks com saia de botões frontais. 

  Tendências 2016 – Button-front skirt, ou saia de de botões frontais. 

  Button-front skirt – A peça queridinha de 2016. 

  Looks com saia de botões frontais. 

 Tendências 2016 – Button-front skirt, ou saia de de botões frontais. 

  Button-front skirt – A peça queridinha de 2016. 

Fotos: We Heart It e Pinterest 

11 fevereiro 2016
Samantha Mahawasala

Samantha Mahawasala

Paulistana formada em jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo e com curso técnico de locução pela Rádioficina. Atuou como redatora e locutora no Grupo Bandeirantes de Rádio e também como repórter para um telejornal segmentado.