Enquanto muitos acordam para a Moda, outros preocupam-se com a moda de quem precisa dormir

por Carlos Alberto Alves e Silva
/ 17 setembro 2007

1457.jpg

O despertar para a Moda revela a criatividade de novos estilistas que não somente olham para os acontecimentos além do ” fashion” mas demonstram um olhar para o mundo urbano que clama por algo novo, diferente, mas também prático, versátil, útil e móvel.

Quando se desafia criar algo criativo para o óbvio, encontramos novos profissionais como Matthew Gale, formando da California College que criou uma jaqueta para dormir nos meios de transportes. Em sua pesquisa ele aprendeu que pessoas podem dormir quando seus corpos estão presos a uma posição rígida em oposição a um macio e flexível estado, similar a muitas camas. Ele aplicou o conceito para a “Excudo Jacket” que se transforma em uma firme e projetiva concha em volta do usuário.

É isso o que eu gosto no mundo da moda. Enquanto eu durmo alguém pensa, elabora e trabalha em algo que possa me fazer dormir melhor em um lugar, onde supostamente deveria estar acordado. O fato é que o objeto como continuidade do corpo, conversa com seu usuário e adapta as suas demandas.

No caso desta jaqueta versátil, ela é tão versátil que permanece rígida enquanto preciso equilibrar meu corpo, mantendo-o firme enquanto o ônibus, trem, metrô ou avião se movimenta. A moda está definitivamente em movimento.

Vale a pena checar o trabalho de Matthew Gale que com a Excudo Jacket venceu o “the national DYSON Eye fow Why Design Competition , nos links abaixos:

http://www.cca.edu/gallery/view/1457/514

http://www.makaga.com/projects/excubo/

excubo_splash.jpg

Carlos Silva
New York City

17 setembro 2007
Carlos Alberto Alves e Silva

Carlos Alberto Alves e Silva

Psicanalista e economista, com pós-graduação em Administração pela USP e Marketing pela ESPM. Tem MBA em Gestão Internacional pela Thunderbird School of Global Management‚ Arizona‚ USA e formação nas áreas de Psicologia e Filosofia.