Lipo a Laser: Mitos e verdades

por Wagner Montenegro
/ 07 abril 2009 / 1comentarios

lipo-laser

Por Marina Sartori

Como qualquer outra área da medicina, a cirurgia plástica não evolui de acordo com a velocidade do aumento de sua demanda. Se assim fosse, já existiriam pílulas de emagrecimento instantâneo, cremes reconstrutores, alimentos anti-rugas, entre outros desejos esdrúxulos. Apesar disso, há uma grande exploração na mídia a respeito de super novidades que prometem revolucionar o mundo da cirurgia plástica. Mas, na maioria das vezes, não há comprovação de benefícios ou revoluções em relação a essas novidades.

Uma das grandes promessas dos últimos tempos é a Lipo a Laser. De acordo com as últimas notícias, um novo aparelho acoplado à cânula de aspiração de gordura, com funcionamento a laser, derrete a camada gordurosa, matando as células adiposas e, por esse motivo, é mais eficiente nas Lipoaspirações e Lipoesculturas. Mito.

Segundo o cirurgião plástico, Dr Wagner Montenegro, muito do que se vem falando sobre o assunto não tem comprovação. “Em primeiro lugar, este aparelho já é utilizado há algum tempo em lipoaspirações no Brasil, mas não há comprovação sobre seus benefícios. O laser mata as células de gordura, mas não garante rapidez no processo ou mais eficiência, pois se a aspiração não for completa, as células mesmo mortas continuam no corpo do paciente, gerando uma falta de regularidade na superfície da pele”.

Novas técnicas e equipamentos são freqüentemente pesquisados, mas demoram a chegar nos consultórios. Porque afinal, estamos falando de estudos do corpo humano. Por isso, é preciso sempre ficar atento a essas novidades milagrosas e não se deixar enganar.

Conheça mais no site www.plasticamontenegro.com.br

(Dr. Wagner Montenegro é formado pela Universidade de Santo Amaro com residência em Cirurgia Geral no Hospital do Servidor Público Municipal pelo MEC e em Cirurgia Plástica também no Hospital do Servidor Público Municipal, pelo MEC. É especialista em Cirurgia Geral  e Cirurgia Plástica pelo Conselho Federal de Medicina e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, desde 1988.)

07 abril 2009
Wagner Montenegro

Wagner Montenegro

Dr. Wagner Montenegro é formado pela Universidade de Santo Amaro com residência em Cirurgia Geral no Hospital do Servidor Público Municipal pelo MEC e em Cirurgia Plástica também no Hospital do Servidor Público Municipal, pelo MEC. É especialista em Cirurgia Geral e Cirurgia Plástica pelo Conselho Federal de Medicina e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, desde 1988.