Desenhadas ou fotografadas, elas encarnam há um século o ideal feminino de homens carentes, e tiveram em Marylin Monroe seu principal símbolo

“Oops! Deixei cair a minha calcinha…”, exclama uma